Domingo, 16 de Janeiro de 2022
23°

Pancada de chuva

Cachoeiro de Itapemirim - ES

Internacional Internacional

Dezenas morrem em protestos no Cazaquistão

.

06/01/2022 às 15h43
Por: Cidade na Rede Fonte: Terra Brasil
Compartilhe:
Dezenas morrem em protestos no Cazaquistão

Dezenas de manifestantes e pelo menos 13 policiais morreram durante os protestos violentos no Cazaquistão. O país enfrenta uma onda de manifestações em meio a uma grave crise política que resultou na dissolução do governo.

De acordo com informações da TV estatal, dois policiais foram decapitados.

Os manifestantes atacaram prédios públicos na cidade de Almaty, a capital econômica do Cazaquistão. As forças de segurança do país não conseguiram controlar a violência dos atos.

O governo local recuou na decisão de aumentar o preço dos combustíveis, fato que deu início à série de manifestações. Mesmo assim, os protestos prosseguem.

Segundo o Ministério do Interior, cerca de 2 mil pessoas foram presas até o momento. Mais de 300 policiais ficaram feridos. A onda de manifestações é considerada a maior desde a independência do país, em 1991.

Horas depois de o governo cair os manifestantes que derrubaram a gestão federal tomaram o aeroporto de Almaty. Em razão do ocorrido, todos os voos foram cancelados nos últimos dias.

O presidente Kassym-Jomart Tokayev dissolveu o próprio governo, mas não renunciou. Ele decretou estado de emergência e impôs um toque de recolher, que não foi respeitado pelos manifestantes.

Créditos: Revista Oeste.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.