Wednesday, 22 de May de 2024
20°

Tempo nublado

Cachoeiro de Itapemirim, ES

Geral Espírito Santo

Ciatox-ES realiza mais de 10 mil atendimentos em um ano

Mais de dez mil ligações. Essa foi a marca alcançada em atendimentos realizados pelo Centro de Informação e Assistência Toxicológica do Espírito Sa...

15/04/2024 às 22h17
Por: Cidade na Rede Fonte: Secom Espírito Santo
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Secom Espírito Santo
Foto: Reprodução/Secom Espírito Santo

Mais de dez mil ligações. Essa foi a marca alcançada em atendimentos realizados pelo Centro de Informação e Assistência Toxicológica do Espírito Santo (Ciatox-ES). Os dados são de 2022, tendo uma média de 29 atendimentos por dia. Ainda de acordo com os dados, foram sete mil casos de acidentes com animais peçonhentos em todo Espírito Santo naquele ano, como cobras, aranhas e escorpiões.

Este ano, de janeiro até o dia 12 de abril, o Ciatox-ES realizou 3.455 atendimentos pelo telefone, orientando profissionais de saúde e a população em geral sobre primeiros socorros nos casos de intoxicações e acidentes com animais peçonhentos.

Segundo o médico e referência técnica do Ciatox-ES, Nixon Souza Sesse, os acidentes com animais peçonhentos representam atualmente a notificação mais importante no Estado do Espírito Santo. Além disso, o ranking conta ainda com casos de intoxicação por medicamentos, por produtos de limpeza, agrotóxicos e por drogas de abuso.

“Os escorpiões estão no topo do ranking de animais com mais acidentes, principalmente nas regiões de Colatina, Linhares, Barra de São Francisco e São Mateus”, disse Sesse.

Ele ainda explicou o que deve e o que não deve ser feito em casos de acidentes com esses animais, destacando que a pessoa deve procurar ajuda profissional o quanto antes. “É importante que, para não haver complicações na ocorrência de uma picada de um animal venenoso, a pessoa não deve fazer sucção no local da picada, não deve cortar e não pode colocar nenhum contaminante, como açúcar ou pó de café. Isso não irá resolver a situação, muito pelo contrário, só irá piorar o ferimento e poderá levar até a uma infecção no local”, frisou Sesse.   

“Além dos animais venenosos, muitos casos de intoxicação acontecem pela gestão errada de remédios e de produtos químicos, como os de materiais de limpeza”, ressaltou a referência técnica do Ciatox-ES. Ele também fez um alerta em relação às intoxicações e deu orientações sobre como evitar esse tipo de acidente.

“Alguns cuidados são importantes, como, por exemplo, não transferir produtos de limpeza do seu recipiente para garrafas pet, isso pode causar confusão principalmente para crianças, que podem beber esse produto achando que é refrigerante. Esse tipo de intoxicação é o nosso carro-chefe de notificação no Ciatox, provocados por troca indevida de produtos de seus vasilhames, porque realmente o que é colorido ou que tem um cheiro diferente chama muito mais a atenção das crianças” completou Sesse.   

O serviço do Ciatox-ES pode ser acessado via telefone e está disponível para profissionais de saúde e população em geral 24 horas por dia, sete dias por semana, com ligação gratuita para o número  0800 283 9904 .

Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação da Sesa

Syria Luppi / Luciana Almeida / Danielly Campos / Thaísa Côrtes / Ana Cláudia dos Santos

asscom@saude.es.gov.br

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Cachoeiro de Itapemirim, ES Atualizado às 06h01 - Fonte: ClimaTempo
20°
Tempo nublado

Mín. 19° Máx. 28°

Thu 30°C 18°C
Fri 30°C 17°C
Sat 29°C 18°C
Sun 28°C 19°C
Mon 29°C 19°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes