Quarta, 08 de Fevereiro de 2023
27°

Tempo nublado

Cachoeiro de Itapemirim, ES

Sociedade Sociedade

Fogos de artifício: como manter o pet calmo e seguro em época de grandes eventos

As comemorações com explosivos são prejudiciais para a saúde dos animais de estimação e, por isso, é importante tomar alguns cuidados com os pets d...

28/11/2022 às 10h05
Por: Cidade na Rede Fonte: Agência Dino
Compartilhe:

Os fogos de artifício ainda são considerados recreativos para algumas pessoas. Por isso, os explosivos são muito usados em épocas comemorativas, como a Copa do Mundo que, inclusive, vem se aproximando, e nas festas de Natal e Ano Novo. Essa é uma preocupação para os tutores de pets, visto que a queima de fogos incomoda - e é prejudicial para a saúde dos animais. 

Os animais possuem ouvidos muito mais aguçados e sensíveis a barulhos e ruídos. Além do estrondo dos fogos deixá-los assustados, ainda causa muito estresse, pois eles ficam desesperados, buscando um lugar que amenize todo o incômodo que sentem no momento. As consequências do alto barulho dos explosivos ainda podem piorar. Muitos pets fogem, se machucam, têm ataques de pânicos, desmaios e alguns chegam até a falecer por causa dos sustos. 

“É importante que os tutores se atentem a datas com tendência de uso dos fogos de artifício e saibam identificar os sinais de sensibilidade dos animais, para conseguir amenizar o desconforto, deixando-os mais calmos e seguros”, explica Cintia Arruda, gerente de Marketing da Hill’s Pet Nutrition. “Ansiedade, medo, taquicardia e convulsões são sinais clínicos de cães e gatos estão assustados com os barulhos”, conclui Cintia

Os especialistas da Hill’s ainda listaram algumas dicas de como manter os animais mais calmos, seguros e confortáveis durante episódios de queima de fogos:

  • É importante deixar o animal o mais confortável possível. Acomodá-lo em um cômodo seguro, com portas e janelas fechadas para diminuir o barulho, é uma boa opção - até para evitar que ele fuja;

  • É preciso ter sempre uma pessoa com o pet durante o período de queima de fogos. A presença humana transmite segurança ao animal;

  • Em casos que não tenha companhia para o pet, deixar algo como TV ou rádio ligados, para que ele não se sinta sozinho, também ajuda acalmá-lo;

  • Não deixar os cães presos em coleiras e correntes, pois ele pode acabar se machucando enquanto tenta escapar, em busca de um lugar que amenize o sentimento de medo;

  • Colocar um chumaço de algodão, em tamanho suficiente para cobrir os ouvidos do animal - sem muita pressão, também ajuda a diminuir os ruídos da queima de fogos. Mas é preciso lembrar de retirar ao final das comemorações;

  • É normal que eles tentem se esconder embaixo de móveis, subam em cima da cama ou sofá. Caso aconteça, respeite o espaço do pet, pois é ali que ele encontrou a segurança e o conforto no momento;

  • Consultar sempre os médicos-veterinários para check-up da saúde do pet e para orientações mais profundas em épocas suscetíveis a queima de fogos.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Cachoeiro de Itapemirim, ES Atualizado às 11h09 - Fonte: ClimaTempo
27°
Tempo nublado

Mín. 22° Máx. 27°

Qui 29°C 21°C
Sex 29°C 21°C
Sáb 28°C 21°C
Dom 29°C 21°C
Seg 28°C 22°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes