Terça, 02 de Março de 2021 13:46
28 99945 7577
Polícia Policia

BPTran fiscaliza motocicletas com equipamentos inoperantes durante Operação Cavalo de Aço

.

12/01/2021 17h09
Por: Cidade na Rede Fonte: PMES
BPTran fiscaliza motocicletas com equipamentos inoperantes durante Operação Cavalo de Aço

Pela manhã desta terça-feira (12), o Batalhão de Trânsito realizou mais uma operação Cavalo de Aço, com abordagens direcionadas a motocicletas, motonetas e ciclomotores e seus usuários, inspecionando principalmente os escapamentos dos veículos. A fiscalização ocorreu na Terceira Ponte, local onde funciona o Posto 3 da unidade especializada, no horário de 09h00min às 12h00min. 

Durante as abordagens, cerca de 145 condutores e passageiros foram fiscalizados, sendo verificadas e flagradas infrações diversas que geraram os registros de 29 Autos de Infração de Trânsito. Foram autuados: oito veículos por não estarem devidamente licenciados para transitar em via pública; quatro por serem inabilitados; quatro por estarem pilotando com CNH cassada/suspensa. Além disso, três veículos foram removidos e quatro CNHs foram recolhidas.

As abordagens tiveram foco em fiscalizar equipamentos obrigatórios das motocicletas, especialmente o aparelho supressor de ruídos, integrante do sistema de escapamento desses veículos. Foram flagrados veículos com o sistema de supressão de ruídos alterado e/ou irregular (quatro infrações referentes a escapamento, sendo dois por equipamento ineficiente, um equipamento inexistente e uma descarga livre), em consequência disso, foram feitas autuações de acordo com o preconizado no Código de Trânsito Brasileiro.

O capitão Sandro de Almeida, comandante da Companhia de Policiamento de Trânsito Rodoviário, explicou que: “o BPTran está atento ao público usuário desses tipos de veículos, proporcionando a eles, com esta operação direcionada, mais segurança ao transitar nas vias, além de estarmos fiscalizando e orientando quaisquer condutores que não estiverem trafegando de acordo com os ditames legais e/ou emitindo ruído além daquele característico como original. A população em geral também pode se sentir mais segura ao perceber nossos esforços no controle do cometimento de irregularidades pelos motociclistas que trafegam nessa região”.

 

 

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.